O passeio de três dias em San Pedro do Atacama começou com uma longa viagem. Depois de algumas horas de voo, escala em Santiago, mais 100km de Calama a San Pedro do Atacama chegamos, enfim, ao nosso tão esperado destino. Por já ser bem tarde e estarmos exaustas, fomos direto para nosso hostel, Mamatierra, que possui atendente 24h, para descansar e começar a nossa maratona pela manhã.

Dia 1

Fechamos os passeios da parte da manhã com a agência 123 Andes, que se encontra no início da rua Caracoles. Fechamos todos os passeio na hora e com isso ganhamos um descontinho.

Na parte da tarde, como não tínhamos muito tempo, nos foi recomendado pela agência, o passeio para conhecer os Ojos de Salar e a Laguna Tebinquiche, ainda assistimos a um pôr do sol espetacular. No final, serviram pisco sour e aperitivos.

Guarde esse nome: Pisco sour é tipo a caipirinha deles. A bebida é original do Peru, mas muito difundida também no Chile. Vocês vão encontrar em todos os lugares.

15940329_1318620321529209_2624243649056197335_n
Laguna Tebinquichea

Dia 2

O passeio escolhido para o segundo dia de viagem foi para Piedras Rojas. Na minha opinião, esse é o passeio mais bonito do Atacama e, justamente, o mais concorrido. Passa pelo Salar de Talar, Piedras Rojas e Laguna Miniques, Miscanti, Chaxa (Laguna dos Flamingos) e finaliza no povoado de Toconao.

A Lagoa Chaxa dentro da área da Reserva Nacional dos Flamingos, a 2.300 metros de altitude. É um dos lugares mais inesquecíveis, você consegue ficar pertinho dos flamingos. Já Toconao é um pequeno povoado que possui sua economia baseada no turismo e no artesanato, produzidos, principalmente, pela lã de lhama, vicunha e alpacas. E em Toconao que conseguimos tirar a famosa selfie com a lhama, no meu caso, com a requisitada Madona.

No caminho tiramos as fotos clássicas na estrada e na marcação do Trópico de Capricórnio. Fizemos algumas outras paradas para tirar fotos porque todo cenário parece de mentira.

O tour dura o dia inteiro, das 7h às 18h, e custou 40.000 pesos (transporte) + 5.500 (entrada).

Dia 3

Nosso terceiro dia no Deserto de Atacama foi depois de 4 dias percorrendo o Salar de Uyuni. Estávamos exaustas da viagem e por isso só fizemos o passeio ao Valle de la Luna, o mais tradicional do Atacama, que sai da cidade às 16h e retorna às 20h.

Preço: 8.000 pesos (transporte) + 3.000 (entrada).

atacama4
Na estrada, cada parada é um cenário perfeito para as fotos. (Foto: Juliana Gonçalves)

Depois de percorrer um trecho de carro, você faz uma caminhada de mais ou menos meia hora para chegar ao topo das formações rochosas. O Valle de la Luna tem esse nome pelo fato de ele se parecer com a superfície da lua. O guia explicou que aquele lugar já havia sido mar e que dava para sentir o sal nas pedras do Valle de la Luna. É verdade, garanto!

No caminho é necessário entrar em uma caverna. Algumas partes eram realmente apertadas e bem escuras, precisávamos abaixar para passar e ter muito cuidado para não bater a cabeça nas pontas. Nesse momento, a lanterna do celular é bem importante.

Para finalizar o dia, fomos assistir ao pôr do sol do vale da Pedra do Coyote. Acho que só perde para o arpoador (meu Rio <3). Realmente, é um espetáculo. Todos ficam aguardando o grande momento.

IMG_9613(1)
Pôr do sol na Pedra do Coiote

É bom saber

· Devido à atitude, você pode sentir enjoo, tonteiras e dor de cabeça. Indicaram mastigar a folha da coca e funciona mesmo. Montamos um kit de sobrevivência: coca, água e oxigênio (vende nas farmácias e é muito utilizado para quem vai fazer os passeios de maior altitude como os vulcões e Uyuni).

IMG_6672
Kit sobrevivência

· Leve MUITA ÁGUA em todos os passeios.

· Por ser o deserto mais seco do mundo, sua pele fica muito desgastada. Leve hidratante para a pele e para os lábios, porque, dependendo da época, faz muito calor mesmo e o clima é bastante seco. Algumas pessoas ficam com o nariz sangrando e/ou com a boca e a pele muito secas.

· No final da tarde as temperaturas diminuem e fica mais frio. Leve um casaquinho leve na mala, mesmo durante o verão.

IMG_9120
Passeio para Piedras Rojas

E você, já visitou o Atacama? Conte-nos o que achou ou tire suas dúvidas!

Mapa de links

Atacama: a viagem dos sonhos

Um comentário em “Atacama em 3 dias

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s