Como todos sabem, Berlim foi uma cidade dividida. A parte que surpreendeu a mim – brasileira acostumada ao descaso à cultura – é que uma das preocupações do governo responsável por gerir a Berlim ocidental foi o fato de que esta parte da cidade acabou ficando sem museus. Afinal, a Ilha dos Museus, onde estão o Bode-Museum, o Pergamonmuseum, a Alte Nationalgalerie, o Neues Museum e o Altes Museum, ficou na parte oriental de Berlim.

Qual foi a solução? Uma segunda “ilha dos museus” foi construída na parte ocidental, próxima à Potsdamer Platz. Na região nomeada Kulturforum é onde estão, hoje, a Gemäldegalerie, a Filarmônica de Berlim, a Biblioteca e Museu públicos da cidade e uma série de outros espaços culturais. Além desses dois epicentros para a arte, Berlim tem ótimas galerias, museus, teatros e cinemas para agradar a todo tipo de viajante.

Preparei uma lista com os museus e galerias que mais gostei e alguns que queria ter visitado.

nosso-mapa-mundi-_-museus-de-berlim-4.jpg

Pergamonmuseum

Esqueça que está em Berlim! O Pergamon é uma passagem para o Oriente Próximo. Além do altar que dá nome ao museu (e que está fechado para restauração até, pelo menos, 2023), no Pergamon, também é a possível atravessa a Porta do Mercado de Mileto (da Ásia Menor, atual Turquia), a bela Porta de Ishtar (da Babilônia, atual Iraque) – toda em azulejos azuis e dourados –, e as paredes em mosaico do Santuário de Eanna (da Babilônia, atual Iraque).

Endereço: Bodestraße (Ilha dos Museus)

Estações mais próximas: Hackescher Markt (S-Bahn) ou Friedrichstraße (U-Bahn)

Horário: sexta a quarta, de 10h às 18h, quintas, de 10h às 20h.

Valor: 12 euros

Site

 

Bode-Museum

O prédio foi bastante danificado durante a 2º Guerra Mundial e passou por uma série de reformas. Sua cúpula, que fica na “quina” da Ilha dos Museus é a parte mais bonita do seu exterior e interior.

Endereço: Am Kupfergraben

Estações mais próximas: Hackescher Markt (S-Bahn) ou Friedrichstraße (U-Bahn)

Horário: fechado às segundas. Sexta a quarta, de 10h às 18h, quintas, de 10h às 20h.

Valor: 10 euros

Site

Neues Museum

A grande estrela dessa galeria é, sem dúvidas, Nefertiti. E ela é ainda mais bela do que a sua fama. Ao contrário da Mona Lisa, pequenina e repleta de curiosos fotografando no Louvre, Nefertiti preenche a sala em que está e parece que vai ganhar vida a qualquer momento. O museu em si também é muito bonito. Em algumas partes é iluminado por luz natural e parte de suas paredes é de tijolos naturais.

Endereço: Bodestraße (Ilha dos Museus)

Estações mais próximas: Hackescher Markt (S-Bahn) ou Friedrichstraße (U-Bahn)

Horário: sexta a quarta, de 10h às 18h, quintas, de 10h às 20h.

Valor: 12 euros

Site

Nosso Mapa Mundi _ Museus de Berlim (1)
Lustgarten com vista para o Altes Museum

Gemäldegalerie

Visitei esse museu sem grandes expectativas e me surpreendi. Considero uma parada indispensável para quem visitar a cidade. São quase 2 Km de galerias repletas de obras de arte europeias que datam do século 13 ao 18 e que incluem muitos Rembrandt, obras de Giotto, Rafael, Ticiano, Pieter Bruegel, entre outros.

Endereço: Matthäikirchplatz (Mitte)

Estação mais próxima: Potsdamer Platz (S-Bahn e U-Bahn)

Horário: fechado as segundas. Terça a domingo, das 10h às 18h, sendo que às quintas, abre até às 20h

Valor: 10 euros

Site

 

Museum für Fotografie

O Museu da Fotografia de Berlim, inaugurado em 2004, abriga a coleção da Fundação Helmut Newton, fotógrafo que fugiu de Berlim devido à perseguição nazista, mas que, pouco antes de sua morte, doou suas fotografias à cidade e dinheiro para reforma do prédio onde hoje se localiza a galeria. Além dessa exposição permanente, o local, pertinho do Zoológico de Berlim, conta com exposições rotativas especiais.

Endereço: Jebensstraße 2 (Charlottenburg)

Estação mais próxima: Zoologischer Garten (S-Bahn e U-Bahn)

Horário: fechado as segundas. Terça a domingo, de 11h às 19h, sendo que, as quintas, fica aberto até às 20h.

Valor: 10 euros

Site

Museu Judaico

Esse é um dos museus mais impressionantes que você vai visitar na sua vida. Não apenas pela história contida nele, mas também porque o projeto arquitetônico é intrinsecamente integrado ao conteúdo do museu. O projeto do arquiteto Daniel Libenskind ajuda a contar, em seus corredores e salas, série de perseguições em que consiste a história judia e o vazio deixado pelo holocausto.

Endereço: Lindenstraße 9-14 (Kreuzberg)

Estação mais próxima: Hallesches Tor (U-Bahn)

Horário: segundas, das 10h às 22h, e terças a sábados, das 10h às 20h

Valor: 8 euros

Site

Nosso Mapa Mundi _ Museus de Berlim (2)
Jardim do exílio, no Museu Judaico de Berlim.

Bauhaus-Archiv

O museu abriga a maior coleção de objetos e documentos da Bauhaus, com obras dos principais nomes do movimento como Walter Gropius, Johannes Itten, Paul Klee, Lyonel Feininger, Wassily Kandinsky, Josef Albers, Oskar Schlemmer, László Moholy-Nagy e Ludwig Mies van der Rohe. O prédio em si também é uma atração desse pequeno museu.

Endereço: Klingelhöferstraße 14 (Mitte)

Estação mais próxima: Nollendorfplatz (U-Bahn), que não é tão próxima assim. Se possível, tente pegar o ônibus M29 e descer na Köbisstraße

Horário: fechado as terças. Quarta a segunda, de 10h às 17h.

Valor: 8 euros

Site

Hamburger Bahnhof

O museu, criado em 1919 para expôr a “arte dos vivos”,  tem coleções com obras que vão da década de 1960 aos dias de hoje. Localizado em uma antiga estação de trem (significado do “Bahnhof” que ainda leva no nome), por lá você vai encontrar, entre os artistas de nome mais conhecido da exposição permanente, obras de Andy Warhol e Roy Lichtenstein.

Endereço: Invalidenstraße 50-51 (Mitte)

Estação mais próxima: Berlin Hauptbahnhof (Estação central de berlim, U e S-Bahn)

Horário: fechado as segundas. Terça a domingo, de 10h às 18h, exceto as quintas, quando fecha às 20h.

Valor: 14 euros

Site

Otto Weidt’s Workshop for the Blind

Pertinho do Museu da Anne Frank de Berlim está a Oficina de Otto Weidt’s para os cegos. Para aqueles que, como eu, não têm estômago para visitar um campo de concentração, esse pequeno museu traz uma perspectiva diferente da crueldade que foi o holocausto. É um espaço para celebrar a história daqueles que protegeram judeus perseguidos. Uma pequena joia escondida no centro de Berlim.

Endereço: Rosenthaler Straße 39 (Mitte)

Estação mais próxima: Hackescher Markt (S-Bahn)

Horário: diariamente, das 10h às 20h

Entrada franca

Site

 

DDR Museum

Quer conhecer um pouco sobre o estilo de vida na Alemanha comunista em um museu totalmente interativo? Vá ao DDR Museum! O acervo foi montado com objetos doados por moradores da antiga Alemanha Oriental. Você pode assistir a canais exibidos na televisão da época, visitar um apartamento mobilhado e ver de perto um Trabi, carro símbolo da DDR.

Endereço: Karl-Liebknecht-Str. 1 (Mitte)

Estação mais próxima: Berlin Alexanderplatz (S e U-Bahn) ou Hackescher Markt (S-Bahn)

Horário: aberto todos os dias do ano. Segunda a domingo, de 10h às 20h, exceto aos sábados, quando fica aberto até às 22h.

Valor: 9.50 euros

Site

 

Nosso Mapa Mundi _ Museus de Berlim (6)

Como economizar com ingressos

O Museum Pass custa 29 euros (valor informado no site, em julho de 2017) e garante a entrada em mais de 30 museus e exibições em um período de três dias (algo fisicamente impossível de conseguir fazer, é claro).

Por que vale a pena? Se você quiser visitar três dos principais museus da cidade já compensa. O Pergamon, onde estão os portões de Ishtar e Mileto, custa 12 euros; o Neues Museum, onde está Nefertiti, 12 euros, e o Museu Judaico sai por 8 euros. Além desses, você pode aproveitar e visitar o Bauhaus-Archiv, a Gemäldegalerie, o Hamburger Bahnhof (de arte contemporânea), o Museum für Fotografie (da fundação Helmut Newton) e a Catedral de Berlim.

Outra opção, se você tem menos tempo na cidade e por algum motivo inexplicável não pretende visitar o Museu Judeu (você já conhece, né? É o único motivo para não ir lá e olha que, ainda assim, eu iria de novo), é comprar o ingresso para todas as exposições da Ilha dos Museus, que custa 18 euros.

Um comentário em “Berlim para os que gostam de arte

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s